Igreja Católica e civilização ocidental



Até quanto é preciso contar para manter a paciência frente a tanta bobagem que se diz sobre a história da Igreja? Aonde podemos recorrer para nos munir de conhecimento a fim de demonstrar a importância da Igreja para a formaçõ do mundo ocidental? Às vezes nem mesmo com um conhecimento sobre essa importância é suficiente, já que o recurso à falácia ad hominem - "ah, você é católico! "- já nos impossibilita de fazer alguma reflexão. Bem, exsite um livro muito interessante sobre o tema e que começo a ler: Thomas E. Woods Jr. Come la Chiesa Cattolica ha costruito la civiltà occidentale. Siena: Cantagalli, 2007. O autor é americano é possível encontrado em inglês. Por sinal, a foto que acompanha o post é do livro original. Woods trata para demosntrar sua tese, ou seja, de que sem a Igreja Católica não existiria o que chamamos de "civilização ocidental", da cristianização dos bárbaros, do papel dos monges cristãos, a universidade e a ciência, a arte, as origens do direito internacional e a moralidade ocidental. Com várias referências e com tom desafiador. Alguns diriam: "apologética". O autor responderia: "Sim, com muito prazer".

2 comentários:

Andrea disse...

Eu adoraria que esse livro saísse aqui no Brasil e que eu pudesse comprar hehehe. Parece ser ótimo!

Olha, de falácias já estou até o pescoço! Aff, as pessoas deveriam procurar a verdade, serem mais honestas! Outro dia falando sobre Chesterton, recebi a resposta de que ele era elogiado por católicos, então não vale (!!!). Essa "pérola" veio de um espírita. É de doer.

Até!

R. B. Canônico disse...

Esse livro me foi tão bem recomendado que acho que vou arranjar pelo Amazon mesmo, sei lá!

Mas não existiríamos, sem a Igreja por aqui. As pessoas não param para pensar no quanto a Igreja influencia na vida delas, indo desde o calendário, dias de descanso... até o modo como vivemos.

Boa lembrança!