Hitchcock católico?


Alfred Hitchcock católico? Pois é. Parace que um dos maiores diretores do cinema noir era católico e é possível, a partir de uma análise cuidadosa de sua obra, chegar nas influências da religião em seus filmes. Claro que isso é uma hipótese. A discussão sobre sua filiação religiosa é hoje bastante discutida. Em seu livro Alfred Hitchcock: a Life in Darkness and Light, Patrick McGilligan's sustensa a tese de que é possível encontrar em sua obra pontos que refletem um profundo catolicismo . De fato, é uma boa hipótese. Um filme que passo para meus alunos, Rope (Festim diabólico na traduçao para o português), o tema filosófico e religioso é claro: um niilista que se crê como um ser superior e que, consequentemente, crê na possibilidade de poder matar os "inferiores" em vista de sua superioridade e de um mundo no qual descobre que os valores morais são invenções meramente humanas e culturais. Boa hipótese essa de MacGilligans's, boa hipótese...

1 comentários:

Andrea disse...

Interessante mesmo! Eu gostaria de ver este filme, Rope. Já me foi recomendado, mas é difícil de achar :(

Abraço!